Longe das benesses do poder, mas perto do pulsar das ruas.

Hoje o povo brasileiro fez história. Mais de um milhão de pessoas em São Paulo, quase dois milhões em todo o país. Foi uma das maiores manifestações da história do Brasil. Não foi organizada por partidos da oposição ou entidades sindicais. É o produto espontâneo da reação ao estelionato eleitoral, à inépcia do governo federal e da indignação contra a corrupção implantada como método de administrar o país. Estejam certos: 15 de março vai ser fator decisivo da mudança de rumos do Brasil neste início de século: democracia mais forte e representativa, ética na administração pública e desenvolvimento para todos.

Nós do PSDB temos a palavra de ordem que vai orientar nossa atuação junto à sociedade: longe das benesses do poder, mas perto do pulsar das ruas – lema que presidiu a nossa fundação.

(Facebook, José Serra)

Veja Também

A parceria entre São Paulo e o Governo Federal: Por que não foi?

23/08/2011 Há certas coisas sérias que chegam a ser engraçadas. No Twitter e no site, alguns leitores me perguntam por que eu teria decidido não comparecer, na semana passada, ao…

Sobre uma nova medida de valor: o “barusco”

Em discurso no Plenário do Congresso, hoje, o senador Aloysio Nunes referiu-se à nova unidade de medida de valor – o “barusco” – que equivale a 100 milhões de dólares,…

Oposição pra quê?

O Globo, 10/02/2011 O principal risco que correm as oposições – e, portanto, também o PSDB – é perder tempo em embates menores, combates internos fantasmas ou antecipações irrealistas, como…